Assine nossa newsletter para se manter atualizado com dicas, notícias e promoções.

Diretor da versão original de O Corvo se indigna com o remake: A resposta dos fãs diz muito – Notícias de cinema





Estreia Controversa: Diretor Original de O Corvo Critica Remake

Estreia Controversa: Diretor Original de O Corvo Critica Remake

Nos últimos dias, o público foi impactado pelas primeiras prévias do remake de O Corvo estrelado por Bill Skarsgård e FKA Twigs. Com o original conhecido como um filme amaldiçoado por todas perturbadoras tragédias que o cercaram, a nova versão chega rodeada de polêmicas – e há um novo ponto nesta história.

A Reação do Diretor Original

Nesta semana, o diretor da primeira versão da narrativa, Alex Proyas, veio a público para se pronunciar sobre suas primeiras impressões sobre o longa – e ele não parece muito feliz com o que viu. “Eu realmente não fico feliz em ver negatividade no trabalho de qualquer colega cineasta. E tenho certeza de que o elenco e a equipe técnica realmente tinham boas intenções, como todos nós fazemos em qualquer filme. Então me dói dizer mais sobre esse assunto, mas acho que a resposta dos fãs diz muito”, afirma ele em referência aos dados do primeiro trailer exibido.

“O Corvo não é apenas um filme. Brandon Lee morreu fazendo isso, e foi finalizado como uma prova de seu brilho perdido e sua perda trágica. É o seu legado. É assim que deveria permanecer”, completa.

Anteriormente, em uma publicação de 2017 no Facebook, o diretor já havia batido na tecla de que um remake nunca deveria ter entrado em produção. Na ocasião, destacou que “O Corvo não seria um filme que valesse a pena ‘refazer’ se não fosse por Brandon Lee”, escreveu ele destacando o apreço pelo ator falecido no set de filmagens.

Tragédia e Produção

O projeto é conhecido não apenas por sua trama macabra, mas também pela tragédia envolvendo o ator Brandon Lee, que morreu no set de filmagens baleado por uma arma cenográfica carregada com projéteis reais. Após diversas tentativas de filmar um remake, algo que encabeçou o título de “filme amaldiçoado” ao longa, a nova produção entrou nos trilhos e deve chegar aos cinemas ainda neste semestre.

Um ano após ter sido assassinado juntamente com sua noiva por uma gangue, o roqueiro gótico Eric Draven retorna da sepultura com a ajuda de um misterioso corvo, com a intenção de se vingar de seus assassinos.

O Corvo chega aos cinemas em 7 de junho.


Fonte: https://www.adorocinema.com/noticias/filmes/noticia-1000071740/

Facebook
Twitter
Email
Print

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Parecidos

Zahy Tentehar, atriz, cantora, ativista e artista visual, homenageia suas raízes indígenas em ‘Falas da Terra’

Artista indígena Zahy Tentehar e sua jornada para representatividade na cultura Muita coisa aconteceu na vida de Zahy Tentehar, desde que ela veio para o Rio de Janeiro aos 19 anos “tentar a sorte”. Nascida na aldeia Colônia, no território indígena Cana Brava, no Maranhão, a atriz, cantora e ativista hoje com 34 anos, apresenta

Leia Mais →