Assine nossa newsletter para se manter atualizado com dicas, notícias e promoções.

Rita Pereira comemora vitória e declara: “Tenho consciência de que sou extremamente privilegiada”




Rita Pereira: Uma História de Sucesso na TVI

Rita Pereira: Uma História de Sucesso na TVI

Rita Pereira, uma das figuras mais queridas pelo público português, tem uma trajetória de sucesso que começou há cerca de 20 anos, quando se destacou na série “Morangos com Açúcar”. Desde então, a atriz tem sido presença assídua nas produções de ficção da TVI.

O Reconhecimento do Talento

Em declarações exclusivas à SELFIE, Rita Pereira destaca a sua gratidão pelo reconhecimento que tem recebido ao longo dos anos: “Sei que sou uma mega-privilegiada, seja em Portugal ou em qualquer outro país. Vinte anos com um contrato… Tenho plena noção de que é raro e que é um privilégio”.

Para a atriz, é fundamental sentir o apoio e valorização por parte da TVI, que a tem apoiado tanto a nível pessoal como profissional: “O que sinto da TVI é o facto de eles me valorizarem, tanto enquanto pessoa como enquanto profissional. E de apostarem em mim. Sentir que tenho alguém a apostar em mim faz toda a diferença na forma como trabalho”.

O Sucesso Além-Fronteiras

Rita Pereira destaca ainda a importância do reconhecimento internacional, exemplificando com o caso do ator brasileiro Tony Ramos: “A partir do momento em que, no Brasil, o Tony Ramos fica sem o contrato, já se pensa: ‘Ok, pronto, sou mesmo uma privilegiada’.”

Para os fãs de Rita Pereira, foram preparadas galerias com as melhores imagens da atriz, que ilustram o seu percurso e talento ao longo dos anos.


Facebook
Twitter
Email
Print

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Parecidos

Zahy Tentehar, atriz, cantora, ativista e artista visual, homenageia suas raízes indígenas em ‘Falas da Terra’

Artista indígena Zahy Tentehar e sua jornada para representatividade na cultura Muita coisa aconteceu na vida de Zahy Tentehar, desde que ela veio para o Rio de Janeiro aos 19 anos “tentar a sorte”. Nascida na aldeia Colônia, no território indígena Cana Brava, no Maranhão, a atriz, cantora e ativista hoje com 34 anos, apresenta

Leia Mais →