Assine nossa newsletter para se manter atualizado com dicas, notícias e promoções.

Roberto Menescal dá início às celebrações dos 459 anos do Rio de Janeiro com apresentação musical





Maravilhoso bate-papo com Menescal na Cidade das Artes

<h1>Maravilhoso bate-papo com Menescal na Cidade das Artes</h1>

No evento realizado na última sexta-feira, o renomado compositor Menescal, conhecido por suas inúmeras músicas de sucesso, incluindo "O barquinho", participou de um animado bate-papo na Cidade das Artes. O evento, intitulado A Bossa do Rio, foi aberto ao público e gratuito, proporcionando uma tarde cultural e interativa para os presentes.

<h2>Os segredos da Bossa Nova revelados</h2>

Durante o bate-papo, Menescal compartilhou histórias fascinantes sobre o início do movimento da Bossa Nova no final da década de 50. Ele destacou a importância da cidade como fonte de inspiração para suas composições, revelando detalhes inéditos e curiosidades que encantaram a plateia presente.

Muitos dos presentes aproveitaram a oportunidade para fazer perguntas ao compositor, tornando o evento ainda mais dinâmico e enriquecedor. Menescal respondeu com entusiasmo, compartilhando seu vasto conhecimento e experiência no cenário musical brasileiro.

<h2>Um ícone da música brasileira</h2>

Menescal é reconhecido como um ícone da música brasileira, tendo marcado época com suas composições atemporais que continuam a encantar gerações. Sua participação em eventos como A Bossa do Rio demonstra o seu compromisso em compartilhar sua arte e sua história com o público, inspirando novos talentos e preservando a rica tradição da Bossa Nova.

O bate-papo na Cidade das Artes foi mais do que uma simples conversa entre o compositor e o público, foi um momento de celebração da música brasileira e de reconhecimento ao legado deixado por Menescal ao longo de sua carreira brilhante.


Facebook
Twitter
Email
Print

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Parecidos

Zahy Tentehar, atriz, cantora, ativista e artista visual, homenageia suas raízes indígenas em ‘Falas da Terra’

Artista indígena Zahy Tentehar e sua jornada para representatividade na cultura Muita coisa aconteceu na vida de Zahy Tentehar, desde que ela veio para o Rio de Janeiro aos 19 anos “tentar a sorte”. Nascida na aldeia Colônia, no território indígena Cana Brava, no Maranhão, a atriz, cantora e ativista hoje com 34 anos, apresenta

Leia Mais →